Ambroxol Tussilene®2018-10-11T19:24:24+00:00

ambroxol-logo

Ambroxol Tussilene® é um medicamento não sujeito a receita médica, em xarope, pertencente à Gama Tussilene® dos Laboratórios Azevedos, um dos mais sólidos grupos farmacêuticos nacionais, com mais de dois séculos ao serviço da medicina.

É eficaz no tratamento da Tosse com Expetoração, que é acompanhada por uma sensação de peso e/ou congestão no peito.

Isento de açúcar, este medicamento é indicado para adultos e crianças com mais de 12 anos.

Benefícios:

Alivia e reduz a sensação de peso e/ou congestão no peito;

ambroxol2

PERGUNTAS E RESPOSTAS

Classificação farmacoterapêutica: 5.2.2 – Expectorantes

Ambroxol Tussilene reduz a viscosidade das secreções brônquicas, tornando o muco mais fluido. Ambroxol Tussilene tem um efeito estimulador sobre a mucosa brônquica para produzir secreções brônquicas mais fluidas. Além disso, fica facilitada a formação e a drenagem do material tensioactivo dos alvéolos pulmonares e dos brônquios.
Juntamente com a activação do epitélio ciliar da mucosa brônquica, estes mecanismos mantêm e melhoram a capacidade de autopurificação das vias aéreas. Facilita e acelera a evacuação do muco dos alvéolos pulmonares com a sua acção fluidificante e expectorante.
Ambroxol Tussilene é um adjuvante mucolítico do tratamento antibacteriano das infecções respiratórias em presença de hipersecreção brônquica.

– tem alergia (hipersensibilidade) ao ambroxol ou a qualquer outro componente de Ambroxol Tussilene (indicados na secção 6).
– tem alguma doença hereditária rara em que haja incompatibilidade com algum componente do medicamento (ver Informações importantes sobre alguns componentes de Ambroxol Tussilene).
Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar Ambroxol Tussilene.

Se sofre de alcoolismo, deve ter cuidado com a toma deste medicamento e informar o seu farmacêutico (ver Informações importantes sobre alguns componentes de Ambroxol Tussilene).

Ambroxol Tussilene não deve ser tomado sem indicação médica nos seguintes casos:
– Crianças com idade inferior a 1 ano;
– Doença hepática avançada;
– Doença renal avançada;
– Epilepsia (ver Informações importantes sobre alguns componentes de Ambroxol Tussilene).

Em caso de agravamento dos sintomas ou ausência de melhoria após 8 dias de tratamento, este deve ser interrompido e deve consultar o seu médico.

A presença de sinais de gravidade, tais como febre alta, emagrecimento, perda de apetite ou expectoração com sangue, obrigam à consulta médica.

Caso ocorram lesões cutâneas ou das mucosas, deve consultar um médico imediatamente e, como precaução, deve descontinuar o tratamento com o ambroxol.

Ambroxol Tussilene não deve ser tomado por crianças com idade inferior a 1 ano, sem indicação médica.
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, ou tiver tomado recentemente, ou se vier a tomar outros medicamentos.

Após a administração de ambroxol, há um aumento das concentrações de antibióticos (amoxicilina, cefuroxima, eritromicina) nas secreções broncopulmonares e na expectoração.

Não foi reportada nenhuma interacção clinicamente desfavorável com outros medicamentos.

Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.

O ambroxol atravessa a barreira placentária. Os estudos em animais não indicam efeitos nocivos, directos ou indirectos, no que respeita à gravidez, desenvolvimento embrionário/fetal, parto ou desenvolvimento pós-natal.

Uma extensa experiência clínica após a 28ª semana de gravidez não demonstrou evidência de efeitos nocivos no feto.

Todavia, devem ser observadas as precauções habituais no que respeita ao uso de fármacos durante a gravidez. Especialmente durante o primeiro trimestre, o uso de Ambroxol Tussilene não é recomendado.

O ambroxol é excretado no leite materno. Consequentemente, o uso de Ambroxol Tussilene não é recomendado em mães a amamentar. No entanto, não seriam de esperar efeitos indesejáveis no lactente.

Ambroxol Tussilene contém álcool. Este facto deve ser tido em atenção por mulheres grávidas ou em amamentação e na administração a crianças.

Não está descrito qualquer efeito deste medicamento sobre a capacidade de condução de veículos e utilização de máquinas.
– A substância activa é ambroxol. Cada 5 ml de xarope contêm 30 mg de cloridrato de ambroxol
– Os outros componentes são sacarina sódica, solução de sorbitol 70%, etanol 96%, essência de morango, hortelã-pimenta (essência), ácido cítrico anidro, propilenoglicol (E1520), ácido benzóico e água purificada.

Ambroxol Tussilene contém 6,25% vol de etanol (álcool), ou seja, 0,494 g por dose para adultos, equivalente a 12,5 ml de cerveja ou 5,21 ml de vinho. Perigoso para quem sofra de alcoolismo. Deve-se ter em atenção em grávidas ou mulheres em amamentação, crianças e grupos de alto risco como doentes com doença hepática ou epilepsia.

Ambroxol Tussilene contém propilenoglicol, o qual pode causar sintomas semelhantes aos causados pelo álcool.

Ambroxol Tussilene contém Sorbitol (E420). Se foi informado pelo seu médico que tem intolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento.

5 ml de xarope = 1 colher de chá cheia

A dose recomendada é:
Adultos e crianças com mais de 12 anos:
10 ml (2 colheres de chá), 2 vezes por dia.
Este regime é apropriado para a terapêutica de perturbações agudas do tracto respiratório e para o tratamento inicial de condições crónicas até 14 dias.

Indicação do momento mais favorável à administração do medicamento: deve ser tomado à hora das refeições.

Para o tratamento em crianças com menos de 12 anos, dependendo da gravidade da doença, é recomendado o seguinte regime de dosagem:

Crianças dos 6 aos 12 anos:
5 ml (1 colher de chá), 2 -3 vezes por dia
Crianças dos 2 aos 6 anos:
2,5 ml (½ colher de chá), 3 vezes por dia
Crianças de 1 aos 2 anos:
2,5 ml (½ colher de chá), 2 vezes por dia

Estas doses destinam-se ao tratamento inicial; as doses podem ser reduzidas para metade após 14 dias.

Não se conhecem situações de intoxicação com Ambroxol Tussilene. A acontecer, recomendar-se-ia tratamento sintomático.
Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.
Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.
Manter este medicamento fora do alcance e da vista das crianças.

Conservar a temperatura inferior a 25º C.
Manter o frasco bem fechado.

Validade após a 1ª abertura do frasco: 30 dias

Não utilize Ambroxol Tussilene após o prazo de validade impresso na embalagem exterior ou no frasco. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Não utilize o xarope se este se tornar turvo.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

Laboratórios Azevedos – Indústria Farmacêutica, S.A.
Estrada Nacional 117-2, Alfragide
2614-503 Amadora
Portugal
Sofarimex – Indústria Química e Farmacêutica, S. A.
Avenida das Indústrias
Alto de Colaride, Agualva
2735-213 Cacém
Portugal